Controle de nematoides é tema de discussão no 16º ENPDP

Redação FEBRAPDP 07/08/2018

 

Especialistas abordam tema durante o evento e esclarecem dúvidas dos produtores

Da Redação FEBRAPDP

Participantes do Talk 4 - Nematóides e os desafios encontrados na produção do agro

Os nematóides e os desafios encontrados na produção agrícola foram temas de talks (palestras seguidas de interações entre o público e os palestrantes) no 16º Encontro Nacional de Plantio Direto na Palha. A palestra foi ministrada pelo engenheiro agrônomo e doutor em Agricultura Tropical, Rafael Galbieri, e pela engenheira agrônoma e pós-doutoranda em Nematologia, Andressa Machado, no segundo dia do Encontro.

Conforme recentes pesquisas acompanhadas pelo fitopatologista Rafael Galbieri, os temidos nematoides são responsáveis por perdas de aproximadamente 12% na produção na agricultura mundial. Os nematóides são vermes de característica microscópica que sobrevivem basicamente no solo. “São vermes que parasitam as plantas - sobretudo órgãos subterrâneos, as raízes, causando má-formação em seus tecidos, o que dificulta o transporte de nutrientes”.

Recente estudo desenvolvido pelo Instituto Matogrossense do Algodão (IMAmt), em parceria com a Embrapa e a Associação dos Produtores de Sementes do Estado de Mato Grosso (Aprosmat), mostrou a forte influência dos nematoides na produção de algodão, uma das culturas mais suscetíveis aos fitonematoides.

De acordo com Galbieri, a incidência de nematoides traz preocupação aos cotonicultores “Os nematoides estão em cerca de 35% das áreas de cultivo do algodoeiro em Mato Grosso. Por isso, é muito importante os agricultores buscarem formas de controle desta praga. É importante definir o manejo correto para mitigar o problema, já que erradicar é impossível", alerta.

Diante da alta incidência de nematoides no sistema produtivo adotado no cerrado, com o plantio de algodão após a colheita da soja, debater o tema e conhecer as formas mais recentes de combates a essa praga são fundamentais para o sucesso no campo.