Debate sobre estudos agroclimáticos marcam um ano da série de lives sobre os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável

02/06/2021

Por Kélem Cabral, Embrapa Amazônia Oriental

Time de especialistas debatem os estudos agroclimáticos na edição de um ano da série de lives - Foto: Arte/NCO

O mês de junho marca um ano do início da série de lives Revisitando os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) na Embrapa, realizadas pela Embrapa Amazônia Oriental. Neste aniversário, ocorre a 10ª live da série e tem como tema Estudos agroclimáticos e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável. O encontro virtual será no dia 7 de junho, às 15 horas (horário de Brasília), no Canal da Embrapa no Youtube.

Para o debate a mediadora e idealizadora dos encontros virtuais, a pesquisadora Tatiana Sá, convidou um time de especialistas da instituição. São eles: a pesquisadora Lucieta Guerreiro Martorano, da Embrapa Amazônia Oriental, a quem caberá um enfoque amazônico sobre a questão; e os pesquisadores da Embrapa Informática Agropecuária, José Eduardo Boffino de Almeida Monteiro e Giampaolo Queiroz Pellegrino. José Eduardo fará a conexão entre os estudos agroclimáticos, mais especificamente, o zoneamento de risco climático, e sua relação com os ODS. Já Giampaolo trará sua experiência em ações nacionais e internacionais em agrometeorologia e mudanças climáticas globais, para analisar junto aos demais, os impactos na agricultura e nos cumprimento dos ODS.

Tatiana Sá relembra que a série de lives nasceu com o intuito de ampliar a comunicação e a sensibilização interna e externa sobre a Agenda 2030, pois desde 2015, quando do lançamento da Agenda 2030 a Embrapa tem buscado se organizar para contribuir com o cumprimento dos ODS. A pesquisadora cita iniciativas que ela avalia como pioneiras, entre elas a elaboração de 18 volumes de e-books dedicados aos 17 ODS, e um de síntese sobre o tema, lançados em ocasião do aniversário da Embrapa, dia 26 de abril de 2018. Conheça a página da Embrapa dedicada aos ODS.

Ainda segundo a pesquisadora, a partir de 2020, a instituição tem buscado, por meio da Rede ODS Embrapa, formas de aquecer o tema no âmbito nacional promovendo uma série de webinars internos e externos. “Os encontros buscam subsídios para orientar as estratégias e contemplar ações voltadas ao atingimento dos ODS nos macroprocessos de inovação e, também, incentivar mais ainda para que as unidades centrais e descentralizadas busquem meios de ampliar a contribuição da instituição, ao que preconiza a Agenda 2030”, sintetiza Tatiana.

Página temática guarda a memória das lives

Esse um ano de esforço conjunto para sensibilizar e alinhar as ações da pesquisa no alcance dos Objetivos do Desenvolvimento Sustentável foi sistematizado em uma página temática na qual podem ser consultadas todas as lives já realizadas. A série de lives teve início no mês de junho com a proposta de refletir sobre papel da pesquisa agropecuária na conquista das metas propostas pela Agenda 2030, definida em 2015 pelas Nações Unidas (ONU), e que estabeleceu os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS), uma convocação global para erradicar a pobreza e promover vida digna para todos, respeitando os limites do planeta. Acesse a página clicando aqui.